Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

N Dicas

As melhores dicas de finanças, automóveis, emprego, formações, saúde e lifestyle!

N Dicas

As melhores dicas de finanças, automóveis, emprego, formações, saúde e lifestyle!

  • Quer abrir atividade nas finanças? Tome nota do que precisa de saber!

    Muitas dúvidas surgem quando se pensa em dar início a uma actividade como trabalhador independente, como se colectar nas finanças online, como reabrir actividade dos recibos verdes online e hoje estamos aqui para escrever tudo sobre o que precisa de saber para abrir atividade nas finanças. É mais simples do que imagina, por isso tome nota!

     

    Qual é o primeiro passo para abrir atividade nas Finanças?

    O primeiro passo para abrir atividade nas finanças é declarar o registo/início da atividade, que por sua vez pode ser feito de duas formas distintas: Pode dirigir-se a um serviço (repartição) das finanças ou pode abrir atividade nas Finanças Online.

     

    como-abrir-atividade-nas-financas-passo-a-passo.jp

     

    Como funciona a abertura de atividade nos Serviços das Finanças?

    Basta dirigir-se a uma repartição das finanças com o cartão de cidadão e o NIB. O pedido de abertura de atividade nas finanças é feito verbalmente ou por preenchimento de impressos (gratuito).

     

    Como obter declaração de início de atividade no Portal das Finanças?

    Para abrir atividade nas Finanças Online basta aceder ao Portal das Finanças e seguir os seguintes passos:

    • Cidadão ou Empresas
    • Entregar
    • Declarações
    • Atividade

    Nota – Para conseguir aceder à plataforma, são necessários dos dados de acesso ao Portal das Finanças.

     

    Quais são os regimes de atividade?

     

    Ao todo existem três regimes diferentes para quem pretende abrir atividade:

     

    - Regime Simplificado: Este é o regime escolhido pela maioria das pessoas, onde não existe a obrigação da existência de um TOC, ou seja, é um regime que não exige a contabilidade organizada. Pode perfeitamente escolher este regime se os seus rendimentos não forem superiores a 150 mil euros.

     

    - Contabilidade Organizada: Este é um regime de atividade obrigatório para quem tem rendimentos ilíquidos de trabalho independente (média dos últimos 3 anos) vinte vezes superior ao salário mínimo nacional anual, ou que tenham realizado um volume de negócios superior a 150 mil euros.

     

    - Ato isolado: Este é um tipo de regime de atividade adequado a trabalhadores que pensam em prestar serviços esporádicos. Neste caso, não é considerado trabalhador independente, mas sim um cidadão que fez um trabalho “por fora” pontual.

     

    Com funcionam os prazos para abertura de atividade?

     

    A declaração de Início de atividade deve ser apresentada pelas pessoas singulares ou coletivas, antes de iniciado o exercício da atividade (nº 1 do artigo 31º do CIVA).

    No entanto, com a colocação em prática do n.º 1 do art.º 118.º do CIRC, e ao nº 1 e 2 do art.º 31º do CIVA, pelo Decreto-Lei n.º 111/2005, de 8 de julho, os prazos legais para as pessoas coletivas apresentarem a declaração de inscrição no registo/início de atividade, passaram a ser os seguintes:

    1. a) 15 dias a partir da data de apresentação a registo na Conservatória do Registo Comercial, para os sujeitos passivos obrigados a esse registo;
    2. b) 90 dias a partir da data de inscrição no Registo Nacional de Pessoas Coletivas, sempre que esta seja legalmente exigida e o sujeito passivo não esteja obrigado a registo comercial;
    3. c) Sem prejuízo do indicado nas alíneas anteriores, antes de iniciada a atividade.

     

    Como se cancela a atividade?

     

    Tal como para abrir atividade, também pode cessar atividade a partir do Portal da Finanças.

    Os passos são os seguintes:

    • Declarações
    • Atividade
    • Cessação de Atividade.

    Nota - Se terminou uma prestação de serviços, não se esqueça nunca de cessar atividade pois pode incorrer em dívidas de descontos à Segurança Social.

    Pneus novos ou usados? Preços e onde comprar?

    Muitas vezes surge a dúvida se os automobilistas devem apostar em pneus novos ou usados, quais os preços dos pneus nos diferentes estados e onde comprar os pneus, sejam eles novos ou usados.

     

    Segundo a DECO e outras instituições rodoviárias, a dica é sempre a mesma: Optar pelos pneus novos. Verdade seja dita, os pneus novos são mais caros mas vale a pena o investimento pela sua segurança.

     

    Contudo, hoje aqui pelo N Dicas vamos dar-lhe todas as dicas sobre os pneus, quais os preços médios dos pneus e onde comprar os melhores pneus para o seu carro.

     

    pneus-novos-ou-usados-preços-e-onde-comprar.jpg

     

    Compensa comprar pneus usados?

     

    Muitas vezes diz-se que um pneu mais barato acaba por sair caro e é bem verdade, como o piso tem menor profundidade a troca de pneus tem que ser feita com mais frequência e acaba por gastar mais.

     

    Apenas compensa comprar um pneu usado, quando o piso tiver a profundidade acima dos 4,5 mm, tendo em conta que um pneu novo tem em média 8 mm.

     

    Qual é o limite legal para a profundidade do pneu?

     

    O limite legal de profundidade do piso de um pneu é de 1,6 mm, contudo é aconselhável trocar os pneus do carro antes de chegar a esse patamar, pois o desgaste excessivo dos pneus coloca a sua segurança em risco.

     

    Qual é o preço médio dos pneus?

     

    O preço dos pneus normalmente varia consoante o piso, a largura, marca e o seu estado. Contudo, os preços médios podem rondar entre os 25€ até valores que nem imagina. Os preços dos pneus no vizinho não vão ter o mesmo valor que os pneus de uma boa marca! Aconselhamos a fazer uma pesquisa antes de comprar os pneus, sejam  eles novos ou usados.

     

    Onde comprar pneus?

     

    A escolha e preferência parte de cada consumidor, no entanto deixamos aqui alguns locais onde pode encontrar os pneus perfeitos para o seu carro:

     

    - Mister Auto

    - Midas

    - Pneuslider

    - Feuvert

    - Pneucity

    - Michelin

    - Norauto

    - pneus-online

    - Loja dos pneus

     

    Qual a melhor opção: Compras pneus novos ou usados?

     

    Se quer a nossa opinião sincera, optamos pelos pneus novos! Como já referimos além do fator segurança, pode mesmo ser caso de poupança a longo prazo.

    Declaração de Venda Automóvel: Como preencher? Passo a Passo

    Está prestes a querer vender o seu automóvel e não sabe como preencher a Declaração de Venda Automóvel? Simples, este é o artigo ideal para si onde vamos indicar tudo o que precisa saber para preencher o requerimento de registo automóvel, explicar para que serve e quais são os custo associados à minuta da declaração de venda automóvel.

     

    Como preencher o requerimento de registo automóvel?

    Este requerimento pode ser preenchido online ou manualmente, basta imprimir (http://www.irn.mj.pt/sections/irn/a_registral/servicos-externos-docs/impressos/automovel/requerimento-de-registo/downloadFile/file/DUA_modelo_unico.pdf?nocache=1217232046.45)  ou pedir nos balcões do IRN e entregar no Instituto de Registo e Notariado (IRN) ou nas lojas de Cidadão nesta mesma secção. Vamos só abordar mais algumas questões igualmente importantes e já explicamos como preencher a declaração de registo automóvel passo a passo mais abaixo.

     

    como-preencher-declaracao-de-venda-automovel.jpg

     

    Para que serve a declaração de venda automóvel particular?

     

    Esta declaração tem como finalidade identificar os intervenientes num processo de compra e venda de um veículo e além desta finalidade tem outros fins, como por exemplo:

    - Mudança de nome e morada;

    - Contrato verbal compra/venda;

    - Perda ou Roubo;

    - Pedido da 2ª via do certificado de matrícula;

    - Extinção da reserva de propriedade e de locação financeira;

    - Substituição do Documento Único Automóvel ou Certificado de Matrícula, Livrete ou Título de Registo de Propriedade;

    -Outras Causas de Aquisição de Propriedade.

     

    Quais são os custo da Declaração de Venda Automóvel?

    Os custos da declaração de venda automóvel são os seguintes:

    - Por registo inicial: 55€

    - Por cada registo posterior: 65€

    - Por registo de alterações (Nome, empresa, domicílio ou sede etc.), pedido de 2ª Via ou substituição: 30€

     

    A estes valores devemos acrescentar o Imposto de Selo e outros custos eventualmente previstos na lei (agravados em 50% se for requerido fora do prazo);

     

    Como preencher a Declaração Automóvel Passo a Passo

     

    • Veículo

    Insira a matrícula, a marca e o número de quadro do veículo (ver documento único automóvel).

    A quota parte só deve ser preenchida quando o registo não incide a totalidade do veículo (quando se compra só metade do veículo, por exemplo).

     

    • Ato de registo requerido

    Escolha o motivo de preenchimento do requerimento com um “X”, preenchendo as menções necessárias. Uma compra e venda, por exemplo, é assinalada com a opção “declaração para registo de propriedade (contrato verbal de compra e venda)”.

     

    • Sujeito Ativo

    Identifique o sujeito ativo do ato. No caso de uma compra, insira os dados do comprador.

     

    • Sujeito Passivo

    Em caso de compra de veículo, insira os dados do vendedor. Nas situações de registo inicial de propriedade, de extinção de registo e de alterações não é preciso preencher este campo.

     

    • Outro Interveniente

    Em caso de existir um outro interveniente no registo, como um locatário ou usufrutuário, deve-se preencher os seus dados.

     

     

    • Utilizador

    Preencha os dados do utilizador do veículo, no caso de o proprietário, locatário ou usufrutuário não ser o utilizador do veículo.

     

    • Declarações

    Em situação de contrato verbal de compra e venda, o vendedor deve assinalar com um “X” a declaração de venda e inserir a data do contrato.

    Em situação de pedido de segunda via por extravio deve-se assinalar com um “X” o segundo espaço.

     

    • Assinaturas

    Finalizar o preenchimento do requerimento com a assinatura dos intervenientes (comprador e vendedor, em caso de compra e venda).

     

     

    Quais os documentos que se deve apresentar na compra e venda de um automóvel?

    Além da Declaração de Venda Automóvel devidamente preenchida, deve entregar também a identificação dos intervenientes do negócio e o Título de Registo de Propriedade, Livrete ou Documento Único Automóvel.

    Como plantar batatas, abacate, cebolas, gengibre e morangos em casa

    Ter uma pequena horta em casa dá muito jeito, além de nos ajudar a poupar algum dinheiro em legumes e frutas, ainda comemos o que produzimos. Hoje vamos dar algumas dicas de como plantar batatas, abacate, cebolas, gengibre e morangos em casa.

     

    Como plantar batatas em casa?

     

    Uma plantação que dá para qualquer tipo de casa/apartamento é colocar as batatas em vasos.

    São precisos apenas 5 passos para o efeito, siga as dicas:

    • Comprar sementes de batatas ou os chamados “Tubercólos”
    • Saber quando plantar as batatas

    Semeie em Fevereiro colha em Maio

    Semeie em Março colha em Junho/Julho

    Semeie perto de Abril colha em Agosto/Setembro

    Semeie em Maio/Junho e colha em Outubro

    Semeie em finais de Julho e colha em Novembro

    • Seleccionar um bom local para a batata germinar
    • Certificar que o vaso tem bastantes furos de drenagem
    • Preparar o ambiente de crescimento

    como-plantar-batatas-cebolas-em-casa-passo-a-passo

     

    Como plantar abacate em casa?

    Em 15 passos consegue criar o seu próprio abacateiro. Como? É simples, siga as dicas:

    • Remover o caroço do abacate;
    • Limpar o caroço com água morna;
    • Enfiar 2 palitos dos dentes em forma de cruz;
    • Encher um copo com água;
    • Colocar o abacate com os palitos na borda superior do copo (Os palito só vão permitir que apenas metade do abacate entre no copo;
    • Espere que o abacate brote uma pequena raiz (Está num bom caminho);
    • Troque a água a cada um ou dois dias para evitar a contaminação ou criação de fungos e bactérias;
    • Esperar pacientemente até que o caroço crie raízes;
    • Continuar a regar a planta conforme as necessidades;
    • Depois do abacate brotar diversas raízes, este é a altura ideal para escolher o melhor local para plantar o abacateiro. Nota - Este é um tipo de planta/arvora que só aguenta bem entre os 15,6ºC e os 29,4ºC;
    • Preparar o solo: O abacateiro cresce em qualquer pH, mas precisa de baixa salinidade e bastante drenagem;
    • Preparar o vaso: 50% de terra 50% de fibra de coco;
    • Preparar o caroço de abacate: Retirar o caroço germinado no recipiente da água e retirar os palitos com todo o cuidado;
    • Plantar o caroço no vaso;
    • Regar e cuidar do abacateiro todos os dias para o manter hidratado.

     

    Como plantar gengibre em casa?

     

    O gengibre deve ser plantado num solo fértil, drenado e rico em matéria orgânica, sendo que a altura do ano mais adequada é durante os meses mais quentes. O gengibre é a planta ideal para plantar dentro de casa, tendo em conta que precisa de ser protegida nos dias mais frios do ano.

    O gengibre deve ser colocado a 5 cm de profundidade e deve ter um espaço generoso entre as plantas para crescer.

     

    Como proceder durante a plantação do gengibre?

     

    A planta deve ser regada com frequência e a terra deve ser mantida húmida até as folhas ficarem amarelas. Após esta altura, a rega pode ser mais espaçada ou até mesmo interrompida até à sua colheita.

    Se os pedaços de raiz de gengibre ficarem expostos, devem ser amontoados com terra.

    Depois 7 a 12 meses após a plantação, já podemos colher o gengibre.

     

    Como plantar cebolas em casa?

    • Comprar sementes de cebola;
    • Começar a plantar 6 semanas antes do fim do Inverno;
    • Para as cebolas crescerem correctamente é necessário nitrogénio, portanto, aplique-o antes de semear;
    • Colocar 4 a 5 sementes por buraco;
    • Se começarem a ficar muito altas, pode podar até 7,5 cm ;
    • Escolher o melhor local para o crescimento da cebola, quanto mais ensolarado for o espaço melhor;
    • Coloque as cebolas a uma distância de 10 a 15 cm cada uma;
    • Regue com frequência e após as 100 semanas já as pode colher. Se quiser bulbos grandes aguarde pelas 175 semanas.

     

    Como plantar morangos em casa?

    • Comprar as sementes de morango na loja;
    • Colocar as sementes num vaso até 6 mm de profundidade, é obrigatório deixar pelo menos 152 mm entre elas (Colocar 3 em cada buraco);
    • Coloque um papel transparente para cobrir o tipo do vaso, este processo irá ajudar a manter a terra húmida;
    • Colocar o vaso num local ensolarado;
    • Regue mas sem exageros, mantenha a terra húmida mas não enxarcada;
    • Quando as sementes brotarem retire o papel transparente;
    • Quando aparecerem os primeiros morangos, deixe-os ficar vermelhos e assim que não resistir pode retirar e comê-los.

    Pág. 1/18