Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

N Dicas

As melhores dicas de finanças, automóveis, emprego, formações, saúde e lifestyle!

N Dicas

As melhores dicas de finanças, automóveis, emprego, formações, saúde e lifestyle!

  • 8 Fatores de Agravamento do Seguro Automóvel

    Existem muitas perguntas frequentes sobre seguros automóveis e a maioria dos condutores procura sempre um seguro de automóvel com um valor reduzido, contudo o seguro automóvel pode aumentar o seu valor por penalizações que muitas vezes estão associadas ao histórico do condutor na estrada. Hoje vamos falar sobre 8 factores que provocam o agravamento do seguro.

     

    agravamento-seguro-automovel-fatores.jpg

     

     

    Fatores iniciais que provocam o agravamento do Seguro Automóvel:

    • Idade
    • Tempo de carta
    • Idade do veículo

     

    Estes são os primeiros requisitos que fazem disparar o valor do seu seguro automóvel, contudo, existem outros fatores alheios ao condutor e que fazem disparar valores:

     

    • Acidentes

     

    Nos termos da apólice uniforme do seguro obrigatório de responsabilidade civil automóvel, emitida pela Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF), ocorre um agravamento do seguro automóvel quando tenham ocorrido sinistros no veículo por responsabilidade do condutor, e caso esse sinistro tenha dado origem a um pagamento efectuado pela seguradora.

     

    • Violações do código

     

    Algumas infrações do código da estrada podem perfeitamente aumentar o valor do seguro automóvel, como por exemplo, excesso de velocidade. Apesar de não ter qualquer custo para a seguradora, estas podem considerar a sua condução mais arriscada e consequentemente podem efetuar um pequeno aumento na hora de renovar o seguro.

     

    • Franquia

     

    A franquia corresponde ao valor pelo qual o tomador do seguro se responsabiliza, logo o valor em causa pode reduzir o valor do seguro automóvel.

     

     

    • Descontos da seguradora que expiram

     

    Os descontos que as seguradoras efetuam inicialmente não deve ser esquecido na hora da renovação do seguro automóvel, esteja sempre muito atento a esses prazos.

     

     

    • Mudança de residência pode afetar o valor do seguro

     

    Parece um insólito mas é uma realidade, se alterar a sua morada do seguro para uma região propícia a assaltos ou com maior risco de acidente, é provável que o valor do seu seguro automóvel aumente. Para esta questão informe-se junto da sua seguradora!

    Pneus novos ou usados? Preços e onde comprar?

    Muitas vezes surge a dúvida se os automobilistas devem apostar em pneus novos ou usados, quais os preços dos pneus nos diferentes estados e onde comprar os pneus, sejam eles novos ou usados.

     

    Segundo a DECO e outras instituições rodoviárias, a dica é sempre a mesma: Optar pelos pneus novos. Verdade seja dita, os pneus novos são mais caros mas vale a pena o investimento pela sua segurança.

     

    Contudo, hoje aqui pelo N Dicas vamos dar-lhe todas as dicas sobre os pneus, quais os preços médios dos pneus e onde comprar os melhores pneus para o seu carro.

     

    pneus-novos-ou-usados-preços-e-onde-comprar.jpg

     

    Compensa comprar pneus usados?

     

    Muitas vezes diz-se que um pneu mais barato acaba por sair caro e é bem verdade, como o piso tem menor profundidade a troca de pneus tem que ser feita com mais frequência e acaba por gastar mais.

     

    Apenas compensa comprar um pneu usado, quando o piso tiver a profundidade acima dos 4,5 mm, tendo em conta que um pneu novo tem em média 8 mm.

     

    Qual é o limite legal para a profundidade do pneu?

     

    O limite legal de profundidade do piso de um pneu é de 1,6 mm, contudo é aconselhável trocar os pneus do carro antes de chegar a esse patamar, pois o desgaste excessivo dos pneus coloca a sua segurança em risco.

     

    Qual é o preço médio dos pneus?

     

    O preço dos pneus normalmente varia consoante o piso, a largura, marca e o seu estado. Contudo, os preços médios podem rondar entre os 25€ até valores que nem imagina. Os preços dos pneus no vizinho não vão ter o mesmo valor que os pneus de uma boa marca! Aconselhamos a fazer uma pesquisa antes de comprar os pneus, sejam  eles novos ou usados.

     

    Onde comprar pneus?

     

    A escolha e preferência parte de cada consumidor, no entanto deixamos aqui alguns locais onde pode encontrar os pneus perfeitos para o seu carro:

     

    - Mister Auto

    - Midas

    - Pneuslider

    - Feuvert

    - Pneucity

    - Michelin

    - Norauto

    - pneus-online

    - Loja dos pneus

     

    Qual a melhor opção: Compras pneus novos ou usados?

     

    Se quer a nossa opinião sincera, optamos pelos pneus novos! Como já referimos além do fator segurança, pode mesmo ser caso de poupança a longo prazo.

    Declaração de Venda Automóvel: Como preencher? Passo a Passo

    Está prestes a querer vender o seu automóvel e não sabe como preencher a Declaração de Venda Automóvel? Simples, este é o artigo ideal para si onde vamos indicar tudo o que precisa saber para preencher o requerimento de registo automóvel, explicar para que serve e quais são os custo associados à minuta da declaração de venda automóvel.

     

    Como preencher o requerimento de registo automóvel?

    Este requerimento pode ser preenchido online ou manualmente, basta imprimir (http://www.irn.mj.pt/sections/irn/a_registral/servicos-externos-docs/impressos/automovel/requerimento-de-registo/downloadFile/file/DUA_modelo_unico.pdf?nocache=1217232046.45)  ou pedir nos balcões do IRN e entregar no Instituto de Registo e Notariado (IRN) ou nas lojas de Cidadão nesta mesma secção. Vamos só abordar mais algumas questões igualmente importantes e já explicamos como preencher a declaração de registo automóvel passo a passo mais abaixo.

     

    como-preencher-declaracao-de-venda-automovel.jpg

     

    Para que serve a declaração de venda automóvel particular?

     

    Esta declaração tem como finalidade identificar os intervenientes num processo de compra e venda de um veículo e além desta finalidade tem outros fins, como por exemplo:

    - Mudança de nome e morada;

    - Contrato verbal compra/venda;

    - Perda ou Roubo;

    - Pedido da 2ª via do certificado de matrícula;

    - Extinção da reserva de propriedade e de locação financeira;

    - Substituição do Documento Único Automóvel ou Certificado de Matrícula, Livrete ou Título de Registo de Propriedade;

    -Outras Causas de Aquisição de Propriedade.

     

    Quais são os custo da Declaração de Venda Automóvel?

    Os custos da declaração de venda automóvel são os seguintes:

    - Por registo inicial: 55€

    - Por cada registo posterior: 65€

    - Por registo de alterações (Nome, empresa, domicílio ou sede etc.), pedido de 2ª Via ou substituição: 30€

     

    A estes valores devemos acrescentar o Imposto de Selo e outros custos eventualmente previstos na lei (agravados em 50% se for requerido fora do prazo);

     

    Como preencher a Declaração Automóvel Passo a Passo

     

    • Veículo

    Insira a matrícula, a marca e o número de quadro do veículo (ver documento único automóvel).

    A quota parte só deve ser preenchida quando o registo não incide a totalidade do veículo (quando se compra só metade do veículo, por exemplo).

     

    • Ato de registo requerido

    Escolha o motivo de preenchimento do requerimento com um “X”, preenchendo as menções necessárias. Uma compra e venda, por exemplo, é assinalada com a opção “declaração para registo de propriedade (contrato verbal de compra e venda)”.

     

    • Sujeito Ativo

    Identifique o sujeito ativo do ato. No caso de uma compra, insira os dados do comprador.

     

    • Sujeito Passivo

    Em caso de compra de veículo, insira os dados do vendedor. Nas situações de registo inicial de propriedade, de extinção de registo e de alterações não é preciso preencher este campo.

     

    • Outro Interveniente

    Em caso de existir um outro interveniente no registo, como um locatário ou usufrutuário, deve-se preencher os seus dados.

     

     

    • Utilizador

    Preencha os dados do utilizador do veículo, no caso de o proprietário, locatário ou usufrutuário não ser o utilizador do veículo.

     

    • Declarações

    Em situação de contrato verbal de compra e venda, o vendedor deve assinalar com um “X” a declaração de venda e inserir a data do contrato.

    Em situação de pedido de segunda via por extravio deve-se assinalar com um “X” o segundo espaço.

     

    • Assinaturas

    Finalizar o preenchimento do requerimento com a assinatura dos intervenientes (comprador e vendedor, em caso de compra e venda).

     

     

    Quais os documentos que se deve apresentar na compra e venda de um automóvel?

    Além da Declaração de Venda Automóvel devidamente preenchida, deve entregar também a identificação dos intervenientes do negócio e o Título de Registo de Propriedade, Livrete ou Documento Único Automóvel.

    Tuning: Alterações são legais ou não? Como Legalizar Tuning em Portugal

    As modificações legais de carros em Portugal requer algumas regras específicas e hoje vamos falar sobre como legalizar tuning em Portugal, qual a sua legislação, se determinadas alterações são legais ou não e como legalizar o tuning a nível nacional.

     

    O que são carros modificados?

     

    Segundo o IMT (Instituto de Mobilidade e de Transportes), carros modificados são veículos que sofrem alterações da estrutura, carroçaria, motor, sistemas ou componentes.

    É bastante comum vermos carros modificados nas ruas, contudo qualquer tipo de alteração ao veículo deve ser homologada pelo IMT. Se porventura não legalizar o tuning em Portugal, as multas podem ir até aos 1250€ para os proprietários e 6000€ para os fabricantes e vendedores de peças não autorizadas. Além das multas o veículo fica apreendido até que seja aprovado na inspecção extraordinária.

     

    tuning-em-portugal-legalizar.jpg

     

    Tuning: Alterações são legais ou não? Sim são, mas devem ser aprovadas pelo IMT.

     

    Como legalizar tuning em Portugal e o que pode ser alterado?

     

    Alteração de pneus: Se pretender alterar os pneus para medidas diferentes da origem, deve fazer um pedido para o IMT  e pagar uma taxa de 30€.

     

    Alteração de película: Relativamente à película as regras são ainda mais específicas, obriga a uma nova inspecção e pode ir até um valor de 150€.

     

    Alteração da cor do veículo: Para a alteração da cor do veículo a taxa tem um valor de 30 e terá de estar contemplada no certificado de matrícula.

     

    Alteração tuning no motor: Além de ter de fazer uma inspecção extraordinária que atestará as condições de segurança e as emissões da nova peça, tem de efectuar um pedido de alteração ao IMT num valor de 165€

     

    Alteração Tuning na Carroçaria: Se a transformação na carroçaria for significativa, é necessário proceder à homologação junto do IMT e esse pedido de alteração terá um custo de 150€.

     

    Dica extra para quem pretende fazer alterações no carro: Tenha sempre muita atenção às peças que compra, verifique sempre se os vendedores têm referências no mercado. Evite colocar em perigo a sua segurança e a de outros condutores!